Conheça o projeto

“Ecoagriculturas – práticas da agroecologia na proteção das águas” tem o propósito de evidenciar as experiências agroecológicas existentes nos municípios de Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba, no litoral norte de São Paulo (URGHI – LN03).

A proposta foi elaborada de forma democrática e participativa por representantes do GT Agroecologia do CBH-LN, Rede de Sementes do Litoral Norte e membros da sociedade civil. Em comum, todos com o desejo de redirecionar as práticas de agricultura tradicional, evitar o uso de agrotóxicos e propiciar um manejo mais adequado do solo e dos recursos hídricos. O IPESA é responsável pela execução do projeto realizado pelo Instituto Supereco.

São beneficiários do projeto agricultores, proprietários rurais, gestores e técnicos dos órgãos públicos e membros de colegiados e da sociedade civil atuantes na temática.

Projeto Ecoagriculturas | IPESA

Na fase inicial,  um relatório a partir de  dados secundários e primários e entrevistas com os agricultores sobre a agroecologia no território está sendo elaborado. Estão previstos encontros de fortalecimento, capacitações temáticas e planejamento de 20 unidades produtivas. Entre essas, quatro serão escolhidas para implantação do plano com medidas que contribuam para melhor gestão das unidades, estratégias de conservação da biodiversidade, solo e água e de adaptação tecnológica visando a transição agroecológica. As unidades deverão se tornar unidades de referência para a difusão de práticas e fortalecer a agroecologia na região.

Galeria

Financiamento e apoio

Apoiadores Ipesa: Instituto Supereco
Apoiadores IPESA: Fehidro
Apoiadores IPESA: Governo do Estado de SP
Apoiadores Ipesa: Câmara Técnica de Agroecologia do CBH-LN
Apoiadores Ipesa: Rede de Sementes do Litoral Norte de São Paulo
Apoiadores Ipesa: Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Ubatuba e Região - STTR
Apoiadores Ipesa: Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA) de Ubatuba